acertei sem querer, emagrecer, junk food, marmita, saúde, tô nem aí

Emagreça comendo de tudo

Porque é assim. Você passa as últimas semanas levando saladinha com grelhado de marmita, se controlando (mais ou menos) na janta e tentando ir na academia quase-sempre-que-consegue-acordar-cedo. Aí vai se pesar e nada. Nada acontece em Alicetown. Tudo igual. O mesmo peso de sempre.

Aí essa semana fiz da jaca a minha pantufa. Teve festa junina no final de semana, nesse e no outro. Além disso, as carnes tinham se acabado do meu freezer e decidi desencanar da marmita somaliana: levei feijão com pão (sim, sou adepta das marmitas exóticas), feijoada e grão de bico. Academia? Com o frio que fez em São Paulo e a semana cansativa que tive com direito a diretor de férias, namorado doente e aulas de reposição da pós, é de dar risada imaginar que vou acordar às 5 da manhã pra cuidar da minha saúde. Não fui nem um diazinho sequer. E de janta? Mc Donald’s, pizza e arroz com feijão.

Aí fui me pesar.

Adivinha.

Emagreci 1 quilo.

Há mais mistérios entre o bacon e a balança do que sonha a nossa vã filosofia, meu amigo.

 

Com amor,

Alice Desespero*

bacon bacon bacon bacon

Standard
de graça, marmita, trabalho

Marmita magra, cafezinho salgado e a fome eterna da hora do trabalho

vintage-coin-operated-machine-life-1947_coffee vintage-coin-operated-machine-life-1947_coffee vintage-coin-operated-machine-life-1947_coffee vintage-coin-operated-machine-life-1947_coffee

Almocei às 13h e já tenho fome. Minha linda marmita de 2 bifes magros com 1 batata cozida, preparada às 5 e meia da manhã, definitivamente não devia gerar fome tão rápido! Hoje à noite tenho aula e não queria gastar com um lanchinho assim, sem nenhum motivo especial. Pensa rápido. O que fazer? Pensando bem, pensa devagar. Que aí o tempo passa mais rápido e logo chegam quatro horas, que é a hora que eu me permito pausar meu trabalho e tomar um café aqui no escritório. Socializar, acordar e tal. Um café que aqui no escritório é de graça! Ieba! O que, pensando bem, quer dizer que eu ganho uns 360 reais adicionais em café no meu salário no final do mês, considerando-se a média de 4 reais por xícara de café, que é a média aqui no Itaim. Será que se eu parar de tomar o café do escritório tenho direito de pedir minha parte em dinheiro? A SE PENSAR.

Isso me lembrou que tenho meu estoque de emergência no frigobar aqui do escritório: duas laranjas, um iogurte grego e alguns capuccinos prontos, daqueles novos da 3 corações (mais um gasto à toa, levando-se em consideração os 360 reais em café mensais que eu já tenho e são meus por direito… preciso realmente ver isso, qual era mesmo o ramal do RH?).

Ok. Vamos ver. Iogurte grego mata mais fome que laranja, né? Nossa, por que EU TRAGO LARANJAS PARA O ESCRITÓRIO

 

Um beijo e um cafezinho,

Alice Desespero*

Standard
marmita

Vai dar tudo certo

Foi o que disse sábado para meu namorado e ele mandou eu parar de falar isso. Não que meu lindo namorado bem resolvido e mais velho seja pessimista. É que ele já cansou de me ver falar que vai dar tudo certo E É POR ISSO QUE ESSA SEMANA EU POSSO FAZER MINHAS UNHAS. Ou vai dar tudo certo E É POR ISSO QUE VOU gastar dinheiros e ganhar calorias no SP Burger Fest, esse gostoso.

Tadinho, ele cansou. Aí eu também. E pra salvar minha dignidade e quiçá meu namoro abri esse blog. E hoje trouxe marmita pra economizar. Mas minha marmita é risoto de camarão, porque sou pobre mas sou chique. Minha marmita é quase essa da foto aí, exceto que sem o simpático cachorrinho. E com arroz integral!

marmita

Um beijo simpático,

Alice Desespero*

Standard